100 passos que me fizeram pensar…

Fui  na academia sexta à noite (aplausos), e claro que na saída acabei papeando com o povo de lá. Estou em uma academia nova, até agora tudo ótimo tudo lindo. Povo legal, quase personal trainer todos os dias. E não tenho mais meu álibi pela distância, já que acho que com menos de 100 passos estou lá, literalmente. Mas enfim, conversando com os professores da academia acabamos caindo no papo “o que você vai fazer no Ano Novo?”. Dei risada do profy-novinho de lá, que tá todo tenso porque talvez não consiga vaga na festa que ele quer no final do ano. Ri porque achei engraçado, mas no caminho para casa fiquei meio tensa. Explico:

Gente, já estamos em outubro. O-U-T-U-B-R-O. Vocês já pararam para pensar nisto? Eu não tinha me dado conta até aquele momento, sabe? O ano já está indo para o brejo, e eu tenho a sensação de que não fiz nada nestes, sei lá, 200 dias que se passaram. Vocês também tem isto?

Eu às vezes entro numas de viver a vidinha e ela me engole. Sem eu me dar conta disto, o que é bem pior. Vou levando os dias como devem, matando os leões conforme eles aparecem. E me pego, em momentos como ontem e nos 100 passos de volta para casa, pensando no que estou fazendo da minha vida. Porque a rotina me pega forte às vezes, mesmo que com sessões de eletrochoque e torturas fisioterápicas no meio de tudo.

O tempo tá acelerando, e eu me sinto com o freio de mão puxado. Tento me ocupar do presente, não dando importância ao passado e não me preocupando com o futuro. Confesso fracassar várias vezes, mas não desisto. Não sabia que eu era assim; achei que era daquelas que ficariam remoendo certas coisas o resto da vida.

Certas horas penso em jogar tudo para o alto e ver a vida passar. O profy-bebê tem, sei lá eu, uns 20 e poucos anos. Eu me lembro quando tinha 15. Foi ontem isto. E tenho medo de que quando eu abrir de novo os olhos eu esteja cheia de experiência acumulada e pense, respirando bem fundo: “me lembro quando eu tinha 35 anos… foi ontem isto.”

Anúncios

One Comment on “100 passos que me fizeram pensar…”

  1. Sofia disse:

    Insistir, persistir, não desistir…tem sido o meu lema..mas às vezes dou por mim a perguntar: mas não desistir do quê?
    De mim…


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s