olha, já deu este ano viu… já deu!

Hoje fui na endócrino. Este ano, em termos de “saúde”, não tem sido fácil para mim sabe? No dia 03 de janeiro eu tive que fazer uma microcirurgia para retirar um cisto da axila, causado provavelmente por excesso de depilação a laser. Então que na brincadeira ganhei mais 6 pontos. Na axila. Ok, dai durante o mês de janeiro minha coluna/costas degringolou, e a tenho até hoje como companheira fiel. Neste ínterim, em fevereiro voltei para a endócrino amada para ver se eu poderia parar com o remédio do colesterol (não, não fui atrás dela para fazer dieta). Não pude, e soube que minha tireóide resolveu caducar. Dra. Kátia, a endócrino fofucha (juro!) decretou: suspender toda a medicação e voltar em 4 meses, rezando para tudo se normalizar até lá. Bom, voltei hoje, depois de 4 meses… O resultado?

O resultado é que o colesterol continua alto, e minha tireóide caducou sim. Não sei se de vez, mas está doidinha. Tenho agora hipotireoidismo. O que sei da doença? Muito pouco, e já aprendi que a internet não é o melhor lugar do mundo para tirar dúvidas médicas. Se bem que não é doença né? Dra. Kátia disse outra palavra, me esqueci agora…

Então terei que tomar remédio todos os dias de manhã, em jejum, e esperar 30 minutos para poder comer/beber qualquer coisa. Ah sim, descobri que o hipotireoidismo contribui para várias coisas, entre elas unha descamando, pele ressecada, dificuldade em perder peso (ALÁÁÁ! O RONALDO TAMBÉM TEM VIU!?!?!), desânimo, cansaço e outras belezuras. E o super remedinho vai me livrar de tuuuudo isto (já disse que contribui para não perder tanto peso?)

Mas é complicado viu… Porque eu não sou tão velha assim (números são desnecessários), e já estou com a tireóide meio tan-tan, colesterol alto, problema nas costas… Gente, quando eu tinha 15 anos eu  não tinha NADA! E agora estou assim… Penso quando tiver a idade de meus pais: praticamente serei sócia de uma farmácia.

Sei que não tenho nada, sei que tudo é tratável e graças a Deus eu posso tratar… Mas, não sei, acho que parei para pensar como a gente é frágil na vida, e a única coisa que é nossa, que realmente temos, é nossa saúde… E como nós não damos a ela o devido carinho e atenção necessários. E como um  dia, sem mais nem menos, ela te cobra e dá as caras…

Espero que neste ano já tenha dado tudo de errado que tinha que dar… Por que, não estou reclamando, poderia ter sido bem menos difícil viu… Mas estamos aí: em agosto, mês do meu aniversário, refaço todos os exames. E quem sabe não estará tudo lindo? Bom, como sempre, tentarei ver o copo meio cheio… Acho que meu fim é ter que virar Pollyanna…

Anúncios


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s