honestidade pessoal

Serei honesta! Não curta e grossa porque sou longa e fina (não literalmente), mas porque o tempo é curto e a vontade é grande!
As vezes toca o telefone ou leio um email e sinto um aperto no estomago tipo -> LA VEM PROBLEMA! Mas ai a gente reza, pede proteção e sai pra guerra. No final, clichê tupiniquim, tudo dá certo!
Daí vemos os pontos de vista diferentes de outras pessoas… e conversamos, e falamos, e rimos, a pessoa chora, eu não. Mentalizo e foco para não pegar para mim problemas alheios, principalmente sentimentos alheios…
Mas a verdade, como eu disse ontem, é que no fundo, bem lá no fundo, escondidinho de mim mesma… EU NÃO SEI SE ACREDITO QUE A TAL DA OUTRA PESSOA EXISTE! Só sei que não acredito em forçar situações, tipo “me obrigo a sair de casa todo dia porque ficando em casa a pessoa não aparece”… não acredito nisto! Sorry para mim mesma! Eu acredito que não depende só de mim, eu acredito que tem coisa que não tem explicação…
Então, se a pessoa existe ou não, EU NÃO SEI! Se ela existe e ela vai me encontrar (porque honestamente cansei de eu encontrar a pessoa e, francamente, errei todas as vezes) eu sei menos ainda. Enquanto isto eu vivo a vida e me ocupo com coisas mais inerentes e necessárias para hoje…
E se a pessoa não vier? Ai eu que pergunto -> EU VOU FAZER O QUE? Porque não tem o que fazer… só volto a repetir: tenho muito receio da carência… porque a gente se vira do avesso quando ela tem uma oportunidade de sumir… com qualquer coisa que a abafe… assim, qualquer coisa MESMO!

Anúncios


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s